Local / Sociedade

Cerca de 100 alunos do Agrupamento de Escolas de Santiago do Cacém sem dispositivos para ensino à distância

Cerca de cem alunos do Agrupamento de Escolas de Santiago do Cacém “ainda não têm qualquer dispositivo”
que permita o acesso ao ensino à distância, havendo um número elevado de estudantes com computador partilhado, denunciou a Associação de Pais de Santiago do Cacém.

O regresso do ensino à distância trouxe novas preocupações para os responsáveis que lidam com as dificuldades dos alunos em aceder aos conteúdos ‘online’, por falta de computador, de telemóvel ou no acesso à internet.

“O último ponto de situação que temos é que cerca de 100 alunos ainda não tinham qualquer tipo de dispositivo. O Agrupamento está a tentar encontrar solução, principalmente, para os níveis mais elevados, deixando se calhar os mais pequenos, do 1.ºciclo, sem dispositivos. De qualquer forma ainda há alguns que não têm tablets e computadores e outros continuam a trabalhar em telemóveis”, explicou a Presidente da Associação de Pais de Santiago do Cacém, Célia Soares.

Artigo completo disponível na edição de 18 de Fevereiro de 2021, n.º 779

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.