Local / Sociedade

Um homem foi detido em Grândola pela prática de tráfico de pessoas e auxílio à imigração ilegal

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) cumpriu, 29 de outubro, mandados judiciais de detenção e busca domiciliária, emitidos pelo Tribunal Judicial de Grândola, que culminou na detenção de um cidadão da União Europeia, preso preventivamente por indícios da prática dos crimes de tráfico de seres humanos e auxílio à imigração ilegal.

O detido terá alegadamente “angariado e feito entrar irregularmente em Portugal cidadãos brasileiros, sob o pretexto de falsas viagens em turismo, conduzindo-os depois a uma herdade sua propriedade no baixo Alentejo” explicou fonte do SEF.

Artigo completo disponível na edição em papel de 05 de Novembro de 2020, n.º 772

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.