Opinião

Crónica da Quotidiana Vivência: A despedida do verão

Por José Manuel Claro,

Nada de formal… nada que conste dos calendários… apenas uma celebração baseada no paganismo inicial da nossa existência enquanto humanos e que ainda hoje habita o meu venerando espírito na forma mais imediata de representação – a mitologia!!!…

Há uns anos a esta parte tenho feito questão de… na segunda quinzena de setembro… vir despedir-me da estiosa estação e faço-o sempre numa praia deserta para poder estar à vontade com os meus inseparáveis Neptuno e Eólo…

Artigo completo disponível na edição em papel de 26 de Setembro de 2019, n.º 746

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.