Economia / Sociedade

Contas de 2017 aprovadas pela maioria comunista na CM de Santiago do Cacém

O Relatório e Contas de 2017 da Câmara Municipal de Santiago do Cacém foi aprovado, na reunião do executivo, pela maioria comunista que realçou a “situação financeira controlada” da autarquia e “o conjunto de obras e projetos aprovados e em curso”.

O documento apresentado na reunião de câmara, que se realizou no Cercal do Alentejo, no âmbito da Presidência nas Freguesias, foi aprovado com os votos contra dos vereadores do PS e do PSD que apontaram para erros na gestão da câmara que contribuíram para a acumulação da divida não se revendo no modelo de gestão e nas políticas implementadas no concelho.

No final da reunião do executivo, o presidente da Câmara de Santiago do Cacém, Álvaro Beijinha apontou para a
redução da divida “em cerca de 50 por cento” no último mandato e destacou o saldo orçamental do último ano superior a 2,3 milhões de euros.

Artigo completo disponível na edição em papel de 26 de abril de 2018, n.º 714

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.