Sociedade

Associação Médica do Litoral Alentejano quer apostar em investigação e formação

A criação de um centro de investigação, a promoção de mais formações para especialistas e uma bolsa de estudos para jovens são algumas iniciativas que a Associação Médica do Litoral Alentejano acredita poderem contribuir para fixar mais médicos na região.

“A nossa região tem uma grande carência de médicos e portanto uma das coisas que nós podemos facultar é a promoção da região através da ciência”, disse em declarações ao jornal O Leme o presidente da Associação Médica do Litoral Alentejano, Armindo Ribeiro, que considera as medidas do Governo “insuficientes” para fixar profissionais.

A própria associação pretende por isso criar um Centro de Investigação no litoral alentejano, que, segundo defende Armindo Ribeiro, poderá ajudar a que mais especialistas se fixem na região.

Artigo completo disponível na edição em papel de o8 de março de 2018, n.º 711

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.