Editorial / Opinião

Editorial: A Saúde continua doente

 Por Abílio Raposo, diretor

Estamos num país em que nos gloriamos de ter um serviço de saúde aberto a todos os cidadãos Portugueses, mas também atendemos os estrangeiros. Muito provavelmente é um serviço que muitos países gostariam de ter. Rico ou pobre, trabalhador ou desempregado, todos têm direito a assistência na doença.

Nós podemos dirigir-nos a qualquer Hospital ou Centro de Saúde e ser atendido, ou reencaminhado para outro serviço. Os nossos Hospitais têm serviço para atender todo o tipo de doença.

Mas na realidade o que é que nós encontramos?

Artigo completo disponível na edição em papel de 08 de fevereiro de 2018, n.º 709

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.