Autárquicas 2017 / Entrevista

Entrevista: “O que estamos a tentar fazer é não colocar os ovos todos no mesmo cesto”

Depois de alguns anos afastado da vida autárquica, António Figueira Mendes, o primeiro presidente da Câmara Municipal de Grândola eleito após o 25 de abril, voltou a recandidatar-se à liderança do concelho em 2013 pela CDU e reconquistou o município ao PS. Em 2017 voltou a liderar uma nova candidatura. Ganhou e reforçou a votação, conseguindo maioria absoluta no executivo.

Natural de Azinheira de Barros, no interior do concelho de Grândola, filho de pais grandolenses, António Figueira Mendes, hoje com 74 anos, lidera “com orgulho” a gestão do município que tem por sede a “vila morena”. Embora já tenha no “curriculum vitae” anos e anos como autarca, nunca ambicionou ter uma carreira política e afirma-se defensor da limitação de mandatos.

Em entrevista ao jornal O Leme falou do primeiro mandato para que foi reeleito, em 2013, e das mudanças que o regresso da gestão CDU trouxe ao concelho de Grândola. Para o futuro próximo, defende a aposta num desenvolvimento económico diversificado e investimentos municipais em requalificação.

Artigo completo disponível na edição em papel de 19 de dezembro de 2017, n.º 706

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s