Política

PSD contra designação do presidente da JF Ermidas para o Conselho Geral do Agrupamento de Escolas de Alvalade

O vereador do PSD na Câmara de Santiago do Cacém, Luís Santos, votou contra a nomeação do presidente da Junta de Freguesia de Ermidas do Sado (CDU) no Conselho Geral do Agrupamento de Escolas de Alvalade, na reunião de câmara do passado dia 30 de novembro.

Durante a votação para a designação de representantes do Município nos Conselhos Gerais dos Agrupamentos de Escolas, no
mandato de 2017-2021, o social democrata questionou os critérios que estiveram na origem desta decisão. De acordo com Luís Santos, a escolha recaiu no presidente da Junta de Freguesia de Ermidas (CDU) porque o atual presidente da Junta de Alvalade (PS) é de uma força política diferente da atual maioria comunista.

“Tem sido mantido um critério nos mandatos anteriores de nomear um vereador e um presidente de junta da freguesia na qual o agrupamento está sedeado e, este ano, o critério não é o mesmo ou seja, é o vereador e, no caso do agrupamento de Alvalade, foi nomeado o presidente da Junta de Ermidas”, explicou o vereador da oposição que defende uma política saudável para o município.

“O que me parece é que evidente é que este critério só não é mantido porque o presidente de Junta de Alvalade é de uma força política diferente, por muito que queiram dizer o contrário”.

Artigo completo disponível na edição em papel de 19 de dezembro de 2017, n.º 706

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s