Política / Sociedade

PCP quer discutir ação da Proteção Civil Municipal durante incêndio na Recipneu

O PCP anunciou, esta segunda-feira, que vai solicitar a realização de uma reunião urgente do Conselho Municipal de Segurança para analisar a resposta da Proteção Civil Municipal na sequência do incêndio que deflagrou a semana passada na empresa
Recipneu, em Sines.

Em comunicado, a concelhia de Sines do PCP acusa o responsável pela Proteção Civil Municipal (o presidente da Câmara Municipal) de “incompetência na informação à população”, perante o incêndio industrial de grande dimensão, com elevado potencial tóxico para a população e de insensibilidade “perante a aflição dos sinienses preferindo ao mesmo tempo abafar o problema sem se vislumbrar uma razão legítima para tal”.

Ao jornal O Leme, Miguel Gonçalves, da Comissão Concelhia de Sines do PCP, adiantou que é preciso debater com urgência as deficientes respostas e meios da Proteção Civil Municipal. “É preciso definir estratégias de comunicação com a população para que ela possa estar mais informada sobre medidas a tomar em caso de emergência como foi o caso recente da Recipneu e, ao mesmo tempo, tentar reforçar os meios da Proteção Civil com recursos humanos e materiais adequados para dar melhor resposta a estas situações”, salientou.

Para ler o artigo completo consulte a edição em papel de 19  de outubro de 2017, n.º 702

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s