Cultura

Entre 90 e 100 mil pessoas passaram pelo Festival Músicas do Mundo

A “maior edição de sempre” do Festival Músicas do Mundo (FMM) de Sines, com “o melhor e maior alinhamento de sempre” teve “reflexos” na “afluência” do público, destacou o presidente da Câmara de Sines, Nuno Mascarenhas, no último dia do certame, que terminou a 29 de julho. Ao todo terão passado por Porto Covo e Sines entre 90 a 100 mil pessoas, segundo indicou a organização, a cargo do município.

Embora sem dados exatos do número de pessoas que passou pelo festival, por a maioria dos concertos ser de entrada livre,
os cálculos dos serviços municipais apontam para “números globais de público” entre “os 90 e os 100 mil espetadores”.

No caso do Castelo de Sines, onde os concertos programados para as noites entre quarta-feira e sábado são pagos, a organização registou um “crescimento” de público “em todos os dias e particularmente na sexta-feira, dia 28”. “No total, as
vendas de bilhetes para o Castelo cresceram 13% em relação a 2016”, indicou a organização.

Ainda a cantora caboverdiana Lura cantava no palco do Castelo de Sines, ao início da última noite de concertos do 19.º FMM, quando o presidente da Câmara de Sines, Nuno Mascarenhas falava ao jornal O Leme, em jeito de balanço, sobre a edição da festa da música do mundo prestes a terminar.

O artigo completo pode ser lido na edição em papel de 10 de agosto de 2017, n.º 698

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s