Editorial / Opinião

Editorial: Atuem já!

Por Abílio Raposo, diretor

O tempo passa, mas a memória fica. As televisões, os jornais e a internet em geral continuam a falar naquela que foi a maior tragédia em Portugal neste ano de 2017, os chamados “Incêndios de Pedrógão”.

Os políticos apressam-se a justificar o que não tem justificação. Outros a pedir justificação a quem as não pode dar, ou as não quer dar.

As pessoas que sofreram na sua pele as dores da perda de seus familiares e bens continuam a ser esquecidas. Porque o que importa àqueles que têm poder de decidir é a justificação se existe culpa das estruturas ou se foi natural, se caiu a ligação das comunicações e quem é o culpado. Mas e as pessoas? Só importa saber até onde pode ir as responsabilidades do Estado ou do Governo.

Mas importa a todos nós, contribuintes do Estado e também contribuintes das ajudas às pessoas que sofreram com os incêndios, o que se está a fazer. Será que as nossas contribuições já estão a começar a ser entregues a quem se destina?

O artigo completo pode ser lido na edição em papel de 10 de agosto de 2017, n.º 698

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s