Sociedade

Com Saúde: As consequências psicológicas da perda auditiva

Ana Mendão, psicóloga

Ana Mendão, psicóloga

Por Ana Mendão, Psicóloga

A audição é um dos cinco sentidos e, como em todos os outros, só damos o devido valor quando a certa altura a começamos a perder. Durante a nossa vida não nos lembramos das consequências psicológicas que uma perda auditiva pode causar e quando essa perda afecta as pessoas mais idosas da nossa família nem sempre compreendemos que uma boa audição é um factor muito importante na qualidade de vida dessa pessoa.

A pessoa com perda de audição sofre consequências psicológicas notórias, pois, por não ouvir bem, a pessoa tende a conviver menos e a comunicar menos com as outras pessoas. Até telefonar ou ver televisão torna-se uma tarefa difícil e sem nos apercebermos a pessoa com perda auditiva acaba por sofrer de isolamento.

Este sentimento de solidão acaba por diminuir a auto-estima da pessoa, fazendo a mesma sentir-se mais insegura e dependente dos outros, o que também pode causar sintomas de depressão.

Com isto, é muito importante que a pessoa afectada pela perda auditiva tenha um bom suporte familiar.

Vale a pena ler o artigo completo na edição em papel de 17 de novembro de 2016, n.º 681

Advertisements

Discussão

Ainda sem comentários.

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Artigos mais antigos

Para receber notificações por e-mail sempre que é publicado um novo artigo, deixe aqui o seu e-mail.

Junte-se a 3.092 outros seguidores

Arquivo online

Estatísticas do site

  • 128,643 visualizações
%d bloggers like this: