Sociedade

Milhares de alunos regressaram às aulas este mês

Milhares de alunos de vários graus de ensino voltaram a encher os corredores dos estabelecimentos escolares da Costa Alentejana na semana passada, entre os dias 12 e 16 de setembro. Se, em algumas escolas, como no Cercal do Alentejo, os alunos encontraram espaços “renovados”, em Vila Nova de Santo André alguns estabelecimentos escolares continuam com problemas nas infraestruturas.

Áreas “renovadas”, mais apoio escolar e mais professores em algumas escolas no regresso às aulas para o ano letivo 2016-2017 |Foto: CMSC|

Áreas “renovadas”, mais apoio escolar e mais professores em algumas escolas no regresso às aulas para o ano letivo 2016-2017 |Foto: CMSC|

“A falta de manutenção da canalização de abastecimento de água na Escola Secundária Padre António Macedo (existência de ruturas e de grandes perdas/desperdício de água sem que saibamos aonde uma vez que não existem plantas da canalização) e a necessidade urgente de reparação do telhado da escola básica n.º 1, que ficou danificado nas ultimas intempéries do mês de maio”, são algumas das “dificuldades” sentidas em Vila Nova de Santo André, apontou a diretora do Agrupamento de Escolas,
Manuela Teixeira.

No Cercal do Alentejo, o edifício escolar da Escola Básica n.º1, sede do agrupamento, que é mais recente do que os estabelecimentos de Vila Nova de Santo André, recebeu algumas intervenções de manutenção e de renovação dos espaços para receber os alunos.

Artigo completo na edição em papel de 22 de setembro de 2016, n.º 677

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s