Local / Prata da Casa

Prata da Casa: Sempre em busca de desafios

Abraçar projetos sempre a motivou desde o ensino, a formação e as novas tecnologias, mas quando era tempo de reforma lança-se no projeto de uma academia sénior.

"É muito gratificante estar envolvida com a ASAS" |Foto: Gisela Benjamim|

“É muito gratificante estar envolvida com a ASAS” |Foto: Gisela Benjamim|

Laura Miranda nascida em Barcelos foi aos 12 anos para Moçambique onde passou a adolescência, formou-se e constitui família. A volta para Portugal só se deu depois de dois anos na África do Sul, “viemos cair onde foi possível, na região de Alcobaça onde vivemos dois anos. Aí consegui a oportunidade de voltar a trabalhar como professora nas escolinhas da zona, lembro-me que num ano passei por cinco escolas.”

O magistério foi concretizado em Moçambique sendo professora do 1.º Ciclo, mas também se dedicando à formação, “trabalhei na escola de formação de professores de posto, e posteriormente como metodólogo na escola do magistério.” A escolha desta
profissão foi sem dúvida influenciada pela mãe e tia, também professoras.

Artigo completo na edição em papel de 23 de junho de 2016 n.º 672

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s