Economia / Sociedade

Quercus contra prospeção de petróleo na costa alentejana

A associação ambientalista Quercus manifestou recentemente a sua posição contra a abertura de poço de petróleo na costa alentejana.

Recorde-se que o consórcio entre a Eni e a Galp anunciou que abrirá um poço de petróleo este Verão em Portugal, o primeiro em águas profundas e que ficará situado na costa alentejana, a cerca de 80 quilómetros de Sines.

Para a Quercus, “a ocorrência de um eventual acidente numa exploração deste género, mesmo que pontual, terá consequências avassaladoras, tanto do ponto de vista socioeconómico, como ambiental, afetando irreversivelmente ecossistemas únicos e frágeis, bem como diversas espécies, incluindo aves marinhas, baleias e golfinhos”.

Artigo completo na edição em papel de 07 de abril de 2016, n.º 667

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s