Economia

Alentejo quer Exportar Melhor

Aumentar as exportações para países como Alemanha, Suécia, Moçambique e Estados Unidos da América é o principal objetivo do Sines Tecnopolo e das associações empresariais de Beja, Évora e Portalegre que lançaram na última semana o projeto ‘Alentejo Exportar Melhor’.

PME'S aliciadas a melhorar competências com vista à internacionalização

PME’S aliciadas a melhorar competências com vista à internacionalização

A iniciativa que surge na sequência do projeto Alentejo Exportar Mais, pretende capacitar as empresas na abordagem a novos mercados e assim “prepará-las para que tenham as competências necessárias ao ingresso e à comercialização dos seus serviços aos novos mercados” e por outro lado “servir-mo- nos das ferramentas institucionais para facilitar o acesso”, explica Mónica Brito, presidente do Sines Tecnopolo.

O projeto financiado em 85% por fundos comunitários, através o programa operacional regional Alentejo 2020, e em 15 por cento pelos parceiros privados, vai ser desenvolvido em parceria com a Associação Empresarial do Baixo Alentejo e Litoral (NERBE/AEBAL), os núcleos empresariais da Região de Évora (NERE) e da Região de Portalegre (NERPOR).

Artigo completo na edição em papel de 17 de março de 2016, n.º 666

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s