Coisas de Emigrante

Coisas de Emigrante: Uma verdadeira aventura só o ter de fazer a chamada no início da aula

Ana ChainhoPor Ana Chainho, nos Emirados Árabes Unidos

Não vale a pena, nunca ninguém vai escrever o meu nome bem nesta terra. Já desisti de corrigir, apenas sorrio.

“Ana” já foi escrito com 2 ‘n’ ou com ‘h’ antes do ‘A’. Também já fui “Annie” umas quantas vezes. Mas Chainho, ora bem, Chainho é outra história! Nem sei bem de quantas formas diferentes já o vi escrito por aqui.

Tudo bem, eu percebo que não é comum, mas nem o copiam bem!

Em janeiro comecei a trabalhar numa nova escola e tive de entregar todos os meus documentos para ficarem com fotocópias no meu processo… mas mesmo assim o meu cartão para passar pela portaria da escola tem escrito “Ana Chaino”. Na verdade, mesmo que estivesse bem escrito ninguém o conseguiria pronunciar corretamente.

Vejam só que nas escolas inglesas os alunos têm como hábito tratar os professores pelo último nome (precedido de Mr ou Mrs/Miss), mas comigo não, começo logo por lhes dizer para me tratarem por “Miss Ana”. Assim sempre corro menos riscos!

Artigo completo na edição em papel de 04 de fevereiro de 2016 n.º 663

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s