Sociedade

Ermidas do Sado recebe casal de refugiados

A localidade de Ermidas do Sado recebeu um casal de refugiados oriundos do primeiro contingente de 24 que veio para Portugal. Esta família vai ser realojada mas para já vai permanecer na delegação local da Cruz Vermelha.

Trata-se de um casal iraquiano entre os 30 e os 40 anos, que foi acolhido pelo Núcleo da Cruz Vermelha de Ermidas, vai
permanecer na delegação até ser realojado, explicou o seu responsável, Marco Peres. “É uma situação temporária”, acrescenta, uma vez que o jovem casal “vai ser reencaminhado para melhor integração”.

O casal terá pago 1200 dólares para fugir de barco a uma situação traumática no seu país de origem. Contactado pelo jornal O Leme, o presidente da Junta de Freguesia de Ermidas mostrou-se surpreendido com a chegada do casal de refugiados.

“Não tivemos conhecimennto atempadamente do acolhimento de refugiados na freguesia. Fomos avisados em cima do joelho e foi só na véspera que recebi um contacto de que já vinham a caminho de Ermidas e não sei mais nada”, reagiu Carlos Parreira que lamentou a forma como a decisão foi tomada. “Não nos foi pedido ajuda, colaboração ou opinião neste processo”, adiantou.

Artigo completo na edição em papel de 07 de janeiro de 2016 n.º 661

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s