Economia / Sociedade

Apesar de anúncio pinos continuam a dividir A26

O responsável da entidade Infraestruturas de Portugal (IP) anunciou para o início do mês de Outubro a retirada dos pinos na estrada que liga Santo André a Sines, porque faltariam apenas “pequenos trabalhos e colocação de sinalização e vedações” mas até ao momento tal não se verificou.

Protesto A26 / ER261-5

| Foto: Mário Afonso |

Entretanto a Junta de Freguesia de Santo André contesta a colocação de redes que separam esta via da cidade defendendo a sua inclusão no tecido urbano. Da parte da Câmara Municipal foi solicitada uma reunião com o Secretário de Estado com a tutela e o responsável da IP, mas até à data não houve qualquer agendamento.

Desde a interrupção das obras em 2011 que os pinos foram deixados na via por questões de segurança, segundo o Instituto de Mobilidade e Transportes. Mas no decorrer destes anos têm sido inúmeros os acidentes, alguns com vítimas mortais, alegadamente provocados pelos ditos separadores.

A população tem manifestado o seu desagrado com a realização de uma marcha lenta e mesmo com a retirada dos pinos da estrada.

Artigo completo na edição em papel de 05 de novembro de 2015, n.º 657

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s