Sociedade

Iniciativa de cuidados de enfermagem nas praias foi “um sucesso”

A Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano (ULSLA) fez um “balanço positivo” da presença da Unidade Móvel em quatro praias da região durante os meses de agosto e setembro.

O projeto da ULSLA vai ter continuidade na próxima época balnear |Foto: Helga Nobre|

O projeto da ULSLA vai ter continuidade na próxima época balnear |Foto: Helga Nobre|

Nas praias de São Torpes e Porto Covo (Sines), Melides e Carvalhal (Grândola), as equipas do posto móvel, compostas por 9 enfermeiros, prestaram assistência a 759 pessoas, a grande maioria com mais de 61 anos. Nos postos de praia, de Vila Nova de
Milfontes e Zambujeira do Mar (Odemira), foram assistidas mais de 1400 pessoas.

“Os postos de Odemira já existem há mais anos por isso é expectável que tenham o número mais elevado do que a unidade móvel que só começou a funcionar este verão. Apesar de tudo, foi um número muito positivo e o projeto foi um sucesso”, adiantou Horácio Feiteiro, diretor clínico para os cuidados de saúde primários do Hospital do Litoral Alentejano.

O controle da glicémia, tensão, traumas e alergias estão entre as patologias mais recorrentes. No fundo da tabela, estão as picadas de insetos e de peixe-aranha.

Artigo completo na edição em papel de 22 de outubro de 2015, n.º 656

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s