Sociedade

Escola da aldeia de Santo André vandalizada

O edifício da antiga escola primária da aldeia de Santo André, encerrado desde 2008, está vandalizado, com vidros partidos, papeis e material de escritório destruído e espalhados pelas salas. 

Para as escolas que vão sendo encerradas pelo Governo, a CMSC tem procurado promover acordos com associações |Foto: Ângela Nobre|

Para as escolas que vão sendo encerradas pelo Governo, a CMSC tem procurado promover acordos com associações |Foto: Ângela Nobre|

A situação não é nova, segundo a GNR local, que indica ter tomado conhecimento e informado as autarquias de Santo André
e de Santiago do Cacém, contudo não chegou a ser formalizada uma queixa, necessária para prosseguir investigação.

“A situação já é do nosso conhecimento há mais de um ano, foi feita uma reportagem fotográfica e foi informada a Junta de Freguesia (JF) e a Câmara Municipal (CMSC)”, relatou o comandante do Destacamento Territorial da GNR de Santiago do Cacém, Tenente Maciel.

Este tipo de delito é considerado “crime semi-público”, mas, “não havendo flagrante delito”, para avançar com uma investigação, “tem que haver queixa da CMSC”, esclareceu.

Artigo completo na edição em papel de 18 de Junho de 2015, n.º 649

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.