Coisas de Emigrante / Sociedade

Como é bom ser turista na nossa cidade

Por Susana Lage, no Brasil

Depois de nove meses a viver no Rio de Janeiro finalmente pude visitar o meu País. É sempre com o coração cheio de saudade e carinho que regresso às ruas por onde passei tantas vezes, que entro nas casas onde tantas memórias construí e que reencontro amigos com quem dei tantas risadas.

Coisas de Emigrante - Susana Lage

|Foto: Susana Lage|

Neste mês e meio que estive em Portugal pude tirar “a barriga da miséria” daquelas coisas que só nós portugueses, especialmente emigrantes, sentimos falta quando não temos: peixe grelhado com salada de pimento assado, vinho verde, bola de Berlim na praia, pasteis de nata quentinhos, pão alentejano…e por aí fora…

Para além disto, decidi ser turista em Lisboa por dois dias e palmilhar, agora com “olhos de guia” e de emigrante, as velhas ruas da baixa pombalina, Alfama, Bairro Alto, Graça, Mouraria… E foi com grande surpresa e orgulho que me deparei com uma Lisboa bonita, funcional e muito virada para o turismo.

O artigo completo na edição em papel de 02 de Outubro de 2014, n.º 632

Para ler mais textos de Susana Lage, a viver no Brasil desde 2013, consulte o blogue Vida de Zé Emigra

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.