Economia / Opinião / Sociedade

O regresso

Por Ti Manel

Cartas da Minha Aldeia

Se calhar vossemecês são daqueles que costumavam ler as parvidades que eu mandava há tempos aqui para o jornal e pensam que eu estive fora uns tempos assim a modos que emigrado num desses países da europa onde era moda antigamente os nossos vizinhos irem passar uns tempos a trabalhar que nem uns malucos para juntarem uns bons dinheiritos e depois virem cá para a aldeia montados num bruto automóvel todo cheio de cromados a brilhar e depois mandavam fazer umas casas muntabonitas que eram as famosas casas tipo mézom com janelas estilo fenétres como então se dizia mas isso era antigamente quando os nossos vizinhos iam trabalhar como pedreiros e as mulheres deles iam fazer uma coisa chamada ménage ora essas coisas agora são muito diferentes e os emigrantes vão para fora todos equipados com canudos de doutores e a maioria fica por lá a viver e só cá vem em agosto para ir à praia e comer pastéis de nata ou seja tudo isto está agora muito diferente e eu vou confessar a vossemecês que não estive nada emigrado só estive uns tempos a descansar e a ver se percebia porque é que os estrangeiros gostam tanto de vir até à nossa terra e fartam-se de gabar as coisas boas que encontram por cá …

O artigo completo na edição em papel de 02 de Outubro de 2014, n.º 632

Anúncios

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.