Crónicas da Beira Mar / Economia / Política

A crise… A crise… Mas não tanto…

Raul Oliveira - Prata da Casa

Raul Oliveira

Por Raul Oliveira

Nos últimos anos muito se tem falado da crise que tem afectado a nossa sociedade a todos os níveis. Não há sector nenhum que, por este ou aquele motivo, não tenha vindo ao longo do tempo a manifestar as “suas dores” sobre a crise.

É porque os preços subiram, é porque os salários e reformas e pensões desceram, é porque cada vez há mais desempregados, é porque cada vez há menos crianças a nascer, é porque há cada vez menos escolas a abrirem em cada ano lectivo, é porque os ricos são cada vez mais ricos, é porque os pobres estão cada vez mais pobres, enfim, é por isto e por aquilo e por aqueloutro, e motivos não faltam a cada um que manifesta o seu desagrado perante os efeitos da “crise”.

Os tempos não se avizinham bons para o ultrapassar da crise e para que os bons tempos se instalem para nos tranquilizar. Daí que cada vez que notícias boas nos chegam pelas mais variadas formas, é de lamentar que quem de direito não ponha a “boca no trombone” com os mais potentes altifalantes para que todos se possam contentar com o que de positivo os portugueses vão conseguindo fazer.

O artigo completo na edição em papel de 20 de Setembro de 2014, n.º 631

Partilhe a sua opinião connosco

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.